Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

A Extensão Universitária como formação

A extensão é um processo formativo que se configura como uma das atividades fins do ensino superior, ao lado do ensino e da pesquisa.  O conceito de extensão adotado pela UFPE é aquele construído pelo coletivo do Fórum de Pró-Reitores

de Extensão das Instituições Públicas de Educação Superior Brasileiras (Forproex), disposto na Política Nacional de Extensão Universitária (PNExU), que a concebe como “processo interdisciplinar, educativo, cultural, científico e político, voltado

à interação transformadora entre universidade e outros setores da sociedade”.

A extensão universitária, segundo a PNExU, envolve cinco diretrizes (os cinco ii), que fundamentam o seu conceito e que devem direcionar a formulação e a execução das ações no âmbito acadêmico: interação dialógica; interdisciplinaridade

e interprofissionalidade; indissociabilidade ensino-pesquisa-extensão; impacto na formação do estudante; e impacto e transformação social. As áreas temáticas da extensão, também definidas pela PNExU, são as seguintes: saúde, educação, trabalho, meio ambiente, comunicação, direitos humanos e justiça, tecnologia de produção e cultura.